22/04 10 patentes incomuns do Google



 
O Google não para de inovar. Começando a compra do Youtube, passando por doodles lindos e interativos e até o Google Glass, já deu pra perceber que criatividade é um ponto fortíssimo deles. E eles não param… Confira 10 patentes que o Google já registrou, algumas são meio… esquisitas:

 

1. Aplicativo para criação de histórias em quadrinhos

Talvez pensando em alegrar sua timeline ou fazer com que sua demora para ser atendido no médico se torne mais divertida e interativa, o Google conquistou a patente de um possível aplicativo (“Self-creation of comic strips in social networks and other communications) em que o usuário pode escolher um tema e então o programa te dá um desenho, um título e um texto que você pode editar para se adequar ao seu status. Essa patente é de 2013, mas o app ainda não é comercializado.

 

2. Centro de dados movido a água

Alcançando mais de 2 milhões de megawatts-hora em 2010, o Google começou a pensar na economia de energia e entrou com uma patente para um centro de dados movido a água (“Water-based Data Center”), que consistiria em um sistema em um navio que capta energia das marés e converte essa energia em eletricidade a fim de alimentar os servidores do Google. Há indícios de que essa patente já esteja se concretizando em construções misteriosas na Baía de San Francisco e em um porto no Maine.

 

3.Teclado virtual para Google Glass

Provavelmente o gadget vestível mais conhecido, o Google Glass promete praticidade na hora de procurar endereços, termos e até fazer ligações sem precisar tirar seu smartphone do bolso. E claro que isso tudo funcionaria perfeitamente em um local silencioso, o que não tornaria o Google glass tão prático assim já que a proposta e usá-lo no dia a dia. Mas para resolver isso, ano passado o Google deu entrada em uma patente chamada “Methods and Systems for a Virtual Input Device” (Métodos e Sistemas para Entrada Virtual em Dispositivo), que consiste na projeção de um teclado virtual na mão do usuário, criando uma tela touchscreen virtual parecida com a tela de um smartphone.

 

4. Tatuagem digital com reconhecimento de voz

Se até agora você achou as patentes normais ou até mesmo esperadas, veja o que acha dessa: a ideia é fazer uma tatuagem digital (“Coupling an Electronic Skin Tattoo to a Mobile Communication Device”) na garganta que consiste em um mecanismo de reconhecimento de voz para seu smartphone. A tatuagem seria um microfone e um transmissor sem fio que diminuiria o ruído ambiente e aumentando a eficiência do mecanismo.

 

5. Aparador de caminhada com câmera

Muito melhor que um tripé, o Google conquistou o direito de usar um dispositivo parecido com um aparador para trilhas e caminhadas com uma câmera e sensor de localização (“Walking Stick with IMU”) embutidos que tirariam uma foto toda vez que o aparador tocasse o chão. Esse dispositivo seria muito útil para o Google Maps e deixaria o modo “Street view” muito mais interessante :-)

 

6. Propaganda baseada na previsão do tempo

Essa proposta do Google consiste em equipar smartphones e outros dispositivos com um sensor que identifique umidade, som, temperatura, luz e até mesmo a composição química do ar. Tudo isso para que essas informações sejam reenviadas ao Google para que ele selecionasse o melhor anúncio para você, algo como um anúncio de óculos escuros se você estiver em uma praia ensolarada do Nordeste. O nome original “Advertisement based on environmental conditions”.

 

7. App que divide a conta do restaurante (“Tracking and Managing Group Expenditures”)

Provavelmente o melhor app para sair com os amigos: o plano é calcular quanto cada um deve pagar para o garçom. Ok, isso não é difícil. A parte mais interessante (e talvez surreal) seja: o aplicativo faz com que o valor pago pelos amigos seja transferido automaticamente para sua conta.

 

8. Sistema de rastreamento de olhar

Procurando sempre otimizar estratégias de propaganda, o Google patenteou um serviço computadorizado parecido com o Google Glass (“Gaze tracking system”), que captura tudo que o usuário observa. O objetivo é identificar quais áreas são vistas primeiro e/ou por mais tempo para que a inserção de anúncios seja mais eficaz e tenha resultados melhores. Além disso, o sistema também pode medir o grau de dilatação da pupila para saber qual foi a resposta emocional do usuário em relação ao anúncio.

 

9. Respostas prontas para postagens nas redes sociais

Essa é para você que precisa de uma resposta na ponta da língua mas a criatividade sempre falha. O Google patenteou uma tecnologia chamada “Automated Generation of Suggestions for Personalized Reactions in a Social Network”, que gera uma resposta personalizada para um status que você escolher, funciona assim: a partir de postagens de outras pessoas, o Google reúne informações relacionadas sobre o tópico em questão e sugere a resposta baseada em como você já respondeu a postagens passadas. O mais importante: o programa pede aprovação antes de postar qualquer coisa, o que pode evitar vários constrangimentos.

 

10. Um novo jeito de curtir alguma coisa

Essa talvez seja a mais improvável de todas: sabe aquele gesto que você faz juntando as mãos para formar um coração? Pois é, o Google patenteou isso também sob o nome de “Hand Gestures to Signify What is Important”, só que com uma outra utilidade, que é a de marcar o que é importante. O símbolo também pode ser usado com o Google Glass para capturar uma foto do objeto e o dispositivo compartilhá-la nas redes sociais.

1 Comentário

*Nome: *Email:

Site:
*Comentário:

HOME / QUEM SOMOS / SERVIÇOS / PORTFÓLIO / BLOG / CONTATO